A revoluçom Democratizara Síria

BayikO Co-Presidente do Conselho Executivo da KCK (Uniom de Comunidades do Curdistam) Cemil Bayık falou no programa Rojeva Welat em Sterk TV).

“A Revoluçom da Rojava vai levar à democratizaçom da Síria ‘

Comentando sobre os ataques do ISIS sobre a Síria e Iraque, Bayık ressaltou que a atitude das potências internacionais mudou com a resistência de Kobanê, acrescentando; “Aqueles que permaneceram em silêncio diante dos ataques do ISIS e ainda os apoiaram mudarom a sua abordagem e levou a sua parte com a resistência de Kobanê. Isso aconteceu porque eles perderiam em todo o Oriente Médio, se nom se ficaram na resistência de Kobanê. ”

Bayık comentou que a vitória em Kobanê descobrera umha nova situaçom e reforçou a Revoluçom da Rojava que provou ser capaz de liderar a luita pola democratizaçom na Síria.

“Nós luitaremos contra o ISIS em todos os lugares”

Também falando sobre a operaçom do exército iraquiano para libertar Mosul, Bayık apontou para os equilíbrios de poder na libertaçom de Mosul dos quais -Ele sublinhou- nom forom procurados pola Turquia. El observou que alguns círculos que impulssarom tomar Mosul e dirigir as gangues do ISIS para aqui, em Rojava.

Referindo-se ao ministro turco de Defesa de visita no Iraque, Bayık dixo que isto também estava relacionado com este plano. Chamando a atençom para a importância da libertaçom de Til Hemis e Til Barak para a Rojava e Sinjar, Bayık alertou que o perigo permanece.

Cemil Bayık apontou que eles estavam prontos para luitar contra o ISIS quando solicitaram a fazê-lo, acrescentando; “Podemos luitar contra o ISIS em todos os lugares. Estamos determinados a luitar contra estes inimigos da humanidade e nós podemos participar na operaçom de limpeza em Mosul quando for necessário. Estes inimigos da humanidade nom deve estar presentes em ningum lugar.”

‘A HDP é o único poder para enfrentar à AKP’

Finalmente falando sobre as eleiçons gerais do 7 de junho na Turquia, O Co-Presidente do Conselho Executivo da KCK enfatizou que o governo do Partido Justiça e Desenvolvimento (AKP) quere fortalecer a sua hegemonia com estas eleiçons.

“O objetivo da AKP é ganhar as eleiçons. Ela quer alterar os principais atos da constituiçom, para preparar um acordo para si e trazer um sistema presidencial. Em caso de sucesso neste, pretende reforçar a sua ditadura e hegemonia. Ela quer silenciar e eliminar à oposiçom. Esta é a sua finalidade “.

Lembrando que as eleiçons gerais irám determinar o destino de todos, Bayık dixo que as condiçons eram favoráveis para os círculos democráticos ganhar um bom resultado. Ele enfatizou que todos os círculos democráticos devem-se unir com o Partido Democrático Popular (HDP) e criar uma luita conjunta, e que esta é a única maneira de mudar o destino da Turquia.

Bayık sublinhou que o HDP era o único poder capaz de combater à AKP.
http://kurdishquestion.com/index.php/kurdistan/kck-co-president-bayik-rojava-revolution-will-democratise-syria.html

Deixa unha resposta

O teu enderezo electrónico non se publicará Os campos obrigatorios están marcados con *